CONTO #11: Ar frio (H. P. Lovecraft)


          Publicado em 1928, Ar frio (Cool air) é um conto de horror em que se nota claramente a influência de Edgar Allan Poe em H. P. Lovecraft. É praticamente a história d'O estranho caso do Sr. Valdemar contada de outro jeito. Ok, posso estar exagerando, mas o desfecho dos dois contos (sem dar spoilers) é praticamente o mesmo, e o elemento gore disgusting está mais amenizado neste conto; ouso dizer que HPL "pegou leve".
          Bem, aqui nós temos um protagonista se mudando para uma pensão, e conhecendo, da pior forma possível, seu vizinho do andar de cima: além do forte cheiro de amônia que aquele apartamento exala, o morador, que é um médico, acaba ajudando o protagonista e narrador da história a se recuperar de um ataque cardíaco. Depois disso, sente que deve algo ao vizinho por ter-lhe salvo a vida. Então, passa a visitá-lo, fazer pequenos favores, como ir ao mercado, etc. Nota que o apartamento está sempre muito frio; a temperatura é mantida por volta dos 12 graus, aparentemente devido a algum problema de saúde estranho do velho médico. Daí pra frente, a gente segue a história descobrindo detalhes sobre a vida desse estranho médico, sua condição, e o que acontece quando o equipamento de refrigeração do apartamento para de funcionar.

"É um erro achar que o horror está necessariamente associado à escuridão, ao silêncio,
à solidão."
(p.55)

"(...) assegurou-me, com uma voz modulada, ainda que oca e sem timbre, que era o mais
ferrenho inimigo da morte e que havia gasto toda a fortuna e perdido todos os amigos ao longo
da vida de experimentos devotados à sua derrota e aniquilação."
(p. 58)


Onde encontrar Ar frio: Os melhores contos de H. P. Lovecraft


Nenhum comentário:

Postar um comentário

<< >>