Das delícias de se ter um blog/canal literário: Adendos

Este post é um adendo a um post que publiquei no ano passado.
Caso você não o tenha lido, ou não se lembre dele, eis o link: esses adendos podem parecer sem contexto caso sejam lidos sem o post supracitado.

1) Aparentemente, determinados donos de canais/blogs acreditam serem perseguidos por mim, vejam bem. Tudo deve ter começado quando eu não indiquei seus canais em uma série de vídeos antigos (o último foi ao ar em 2012 – em que eu recomendava 10 canais novos a cada 3 meses). 
Como eu cheguei a essa conclusão? Pelo menos meia dúzia dos integrantes de tal grupo deixou comentário em algum daqueles vídeos dizendo que “um dia seus canais seriam indicados ali, também...”. Aprendi que se eu não correspondo às expectativas de outrem na internet, sou uma bitch.)

2) Não admiti pessoa provavelmente esclarecida dizer que: quem recebeu o lançamento da vez, um livro considerado “difícil” por pseudointelectuais do mundo todo, não tinha propriedade para falar do mesmo – comentei isso em vídeo, sem citar o nome de quem o disse, uma vez que pedi permissão para citá-lo e não a obtive. [Desculpa número 1: a internet não estava funcionando, veja bem. Engraçado: quando minha internet não funciona, eu não consigo twitar, nem postar no Facebook – também quero essa internet que quando cai, apenas não permite receber emails! Desculpa número 2: foi um erro de corte na hora da edição, né gente? Ai, que bobagem, né? Cortei errado ali, aí ficou sem sentido, mesmo, né?...  
Você aí que faz parte do grupo acreditou e achou gracinha o não assumir a bobagem que foi dita, como os bons adultos geralmente fazem? Parabéns. 

3) Alguém foi convidado a participar de um grupo secreto e maçônico de vlogueiros de livros no Facebook. O que esse alguém fez? Contratou uma Kombi e trouxe todos os seus amigos, como uma enxurrada, para a comunidade. Os antigos “moradores” passaram a  se cutucar: “você conhece esse fulano?”, “nunca vi video dele”., “acho que aquele ali nem tem canal”. "Cadê aquele post que estávamos discutindo?” , “sumiu na timeline no meio desse monte de postagem de gente nova que ninguém conhece!”, "ah, aquele ali eu conheço, é gente boa”, “aquela ali eu já conheci pessoalmente”, “e agora, como vamos postar nossas bobagens e dar risada da cara um do outro no meio desse monte de desconhecido?”, “ih, aquela ali não é a sua stalker?”, “aquele ali nem blog tem! Tá dizendo que entrou no grupo porque é fã!”.
Resultado? Reunião de condomínio e “tch-tchau”.  
Mas, ganha um doce quem adivinhar quem levou a culpa pela “expulsão da turma da Kombi”...  Eu teria ficado p* da vida com a dona da Kombi, mas essa sou eu, essa é a minha opinião e esse é o meu blog.

4)  Não pode dar opinião sobre questões estudadas e debatidas à exaustão na graduação/pós latu sensu/mestrado/doutorado que se fez na vida sem ser etiquetado como “pseudointelectual de merda”, "esse aqui quer me humilhar com suas postagens”.

5) Não pode defender-se de acusações descabidas. Seja com lindos posts bem escritos ou com memes bestas na internet. Temos que ficar quietinhos no nosso canto, enquanto tentam ganhar ibope em cima de suas “po-lê-mi-cas".

6) Não pode defender-se de pessoas estranhas que acham que podem denegrir sua imagem (dizendo que seu problema é “falta de rol*”, por exemplo) avisando que se isso for feito novamente, uma atitude séria será tomada sem soar ao ouvido néscio como “ameaça”.

7) Me acusam de que “meus números” são mais importantes do que meus livros. Nem sei quantos inscritos meu canal tem, mesmo porque, o número de inscritos nunca refletiu o número de visualizações, o número de dislikes e etc... Recebo os comentários por email e respondo quando tenho tempo – é assim que “gerencio” meu canal. Ofendo a esse grupo estranho quando digo que meus sorteios são apenas para inscritos (lógico, senão, daria o presente ao Zé da Esquina! Pra que sorteio?)

8) Gente que me odeia me segue em todas as mídias. Facebook, Twitter, Instagram... Alguns criam fakes para isso, e, como não são “das letras” (a maioria, pelo menos, não é, mesmo... e isso não é demérito, vejam bem), nunca estudaram Bakhtin, não sabem brincar de análise do discurso. O quão nojento é seguir alguém que você despreza tanto? Caçando pelo em ovo? What’s the point?

9) Criam suas polêmicas ridiculas para chamar nossa atenção. Quando a tem, é nitido que o que querem é que divulguemos o que está acontecendo para que tirem um pedaço do nosso bolo, querem formar um grupo que se opõe ao "nosso", passar por cima e crescer (como se tivéssemos o poder de impedir que alguém cresça... na internet... Percebe o tamanho da loucura?) – logo eles, que não querem números, não querem ibope, querem apenas falar de livros, olha que lindo. E comentários como “Vai lá, famosinha, conta pra galera o que estão fazendo, não os deixem curiosos!”, só comprova que querem divulgação de links. Desculpem, crianças, tia Tati é macaca velha.

Enfim, minhas amigas já disseram, meu marido já disse, vou dizer também: a internet anda muito chata e cheia de “não me toques”.

Hoje em dia, se cria inimizades horrorosas por dá cá aquela palha.
Oremos.

38 comentários:

  1. Como sempre seu post tá inscrito de forma "excelente" mas isto é esperado, já que você tem excelência para escrever, né?
    No demais, acredito que sua preocupação é desnecessária... O Talento e os dons são seus e quem não os tens, fazer o q? ): Não apenas eu que tb amo lê e já tive blog que até deletei e tenho 2 canais pequenos, te sigo pq gosto de ti, compartilho com muitas de suas ideias... No fim de tudo, vc tem conteúdo, é bacana, inteligente é uma pessoa que acrescenta, simples assim... De resto relax baby, vc sabe que é impossível agradar a todos! Boa sorte sempre! (:

    ResponderExcluir
  2. Internet é uma coisa muito complicada e muitas vezes muito chata.

    ResponderExcluir
  3. Tati, uma coisa que era para ser gostoso argumentar com outra pessoa esta se tornando algo repugnante pelo visto. Realmente a internet esta tornando muito estressante e isso é algo que não faz bem nem a vc e nem que te acompanha seriamente agradecido pelas indicações. Tanto na vida real e é o que esta se refletindo na internet são as pessoas que falam sem critério algum e não tem peito para assumir as responsabilidades e procuram intrigas com isso tentam colocar vc em uma oposição de bruxa e de implicante. Isso tudo é recalque, sei desde o começo a sua sinceridade em tudo que fala e as pessoas odeiam sinceridade gostam de ficar na ilusão. Eu agradeço muito ter conhecido vc, Juliana, Patricia e HP pq são SENSACIONAIS. E o que eles querem é isso chamar atenção mesmo. Grande Abraços

    ResponderExcluir
  4. Extremamente errada as atitudes de alguns. O problema é que a exposição do outro causa certo desconforto nesses. Cada um têm a maneira de falar sobre livros e criticá-los e o número de visualizações é consequência daquilo que se faz de melhor!

    ResponderExcluir
  5. Já houve um tempo em que a internet foi boa. Um meio de comunicação, de entrar em contato com pessoas que moram longe, divulgar assuntos, temas... Mas, pra variar, o ser humano sempre arruma alguma forma de estragar as coisas boas. Parece que inventar intriguinhas ou criar polêmicas desnecessárias são o passatempo preferido de muita gente que não tem o que fazer.
    Quem acompanha seu canal há um bom tempo (tipo eu e muitos outros) sabe que você não é dessas e sabe quem fica perturbando a paciência, procurando problema onde não tem. Não dê atenção a essa galera, Taty, simplesmente não vale a pena, acho que só serve para desgastar nossa paciência mesmo!

    Sucesso!!

    ResponderExcluir
  6. Às vezes leio comentários de notícias em jornais,revistas, blogs, facebook: está dando medo! Acredito que as pessoas nunca tiveram tanta liberdade de expressar suas opiniões e sua agressividade , nem tanta necessidade de aparecer. Todo mundo tem que ter opinião formada sobre tudo, e anunciar aos quatro ventos, é ridículo! Será que algum dia chegaremos num equilíbrio? Realmente está ficando muito chato! Ah! Antes que acabem comigo, sou contra a censura, tá?
    Gosto muito do blog e do vlog!

    ResponderExcluir
  7. Eu só sigo o Tiny Little Things e o Minha Estante (porque o Bruno é inacreditável de tão engraçado). O resto pra mim tem tudo jeito de empolgado, que vai enjoar de brincar de vlog logo, logo. Beijo, tatilinda <333

    ResponderExcluir
  8. Caramba, Tati. Começou o Carnaval com tudo, heim? Mas olha, isso dá muita pana pra manga. Eu voltei a escrever depois que tive um atrito com uma menina que até me bloqueou. Ela criou um baita post polêmico dizendo que os autores que fizeram parceria com ela estavam cobrando resenhas e que ela se colocava de vítima dizendo que ela "pagou" o livro e que ela não tinha tempo e que a resenha viria quando ela pudesse. Bem, aí, eu na época com outro blog não aguentei e comentei que a partir do momento que você faz uma parceria e se compromete em ler o que o autor escreveu, você é obrigado sim a ler a coisa o quanto antes e comentar, tenha gostado ou não da obra, porque isso são outros pontos que nem valiam a pena ser discutidos. Bem, em resumo, a menina se ofendeu comigo, me excluiu do seu Face, de seguír o seu blog e ainda deletou o post. Eu sinceramente detesto esse tipo de coisa, essa mania ridícula das pessoas quererem pagar de famosas com algo que deveria ser puro e simplesmente para entreter. O que eu gosto do seu canal e do seu blog nada mais são do que os seus pontos de vista, sua opiniões sempre bem explicadas, com embasamento. Você não fica filosofando ou dizendo que a sua ideia é a certa. Pelo contrário, você começa sempre dizendo: "Não sou a dona da verdade e esta é A MINHA OPINIÃO.". Pronto, acabou. E aí você cita algumas coisas que você leu, ou viu em algum lugar e torna o assunto interessante de comentar. Eu acho que as pessoas não precisam causar roblemas porque querem que fulano a cite em seus posts ou vídeos. Não, acho que a ideia de canal, blog ou seja lá o raio que o parta, não foi feito pra isso. As pessoas têm confundido boas ideias com fama imediatista, fama ilusória dentro do ciberespaço. O que adianta ter mais de 200 seguidores se tudo o que comentam são: "Seu blog é lindo! Legal a sua resenha. Nossa, quero ler esse livro."? Acho que a coisa tá cada vez mais deturpada no mundo da Internet.

    http://spencer-pretty.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Hahahaha, todo mundo se torna forte quando protegido pelos argumentos de uma tela de retina. Não se preocupe com isso. Não acompanho nenhuma dessas desavenças e você, como eu, devia ignorar. A internet deixou de ser acolhedora faz tempo.

    ResponderExcluir
  10. *e enjoar de brincar de leitor também.

    ResponderExcluir
  11. Tem coisas que vem com a "fama", se é que posso chamar assim, é melhor só deixar de lado e continuar com seus livros. Não se pode fazer nada se as vezes as pessoas se ofendem sozinhas, já que ninguém falou nada. A única coisa que eu acho engraçada é que com um computador na frente todo mundo tem coragem de falar, mas cara a cara quero ver um que vá te falar um "a".

    ResponderExcluir
  12. Tati, deixa falarem. Enquanto eles se incomodam com vc, vc continua lendo e seu canal crescendo. Eu amo seu blog e tenho certeza que muitas pessoas tb ficam esperando por novidades. Beijinho no ombro pois quem tem luz própria incomoda quem está na escuridão. Hahahaha.

    ResponderExcluir
  13. Tati, deixa eles falarem pois enquanto eles ficam cheios de mimimi, vc lê e posta, e seu canal cresce. Amo suas postagens e tenho certeza que muita gente tb fica esperando as novidades por lá. Beijinho no ombro dos incomodados com seu sucesso pois quem tem luz própria incomoda quem está na escuridão. Rsrsrsrs.

    ResponderExcluir
  14. Jesus! Eu até que estava acostumadas com alguns bafafás e acontecimentos nada a ver da blogosfera, mas esses que você contou nesse e no outro post, eu fiquei basicamente assim: :O. Gente, qual o nível que as pessoas chegam? Então agora não se pode mais fazer o que gosta em paz? É isso?

    ResponderExcluir
  15. Ai Tati como adoro esse seu jeitinho. Me abraça? \o/ rs.
    Eu não SUPORTO, esse povo que paga de intelectual na internet, sério, abomino mesmo.
    A moda agora é o beijinho no ombro pra eles (ih, é funk, intelectuais não falam de funk).
    Então isso é recalque (ihhh, intelectuais também não usam essa palavra).
    haha, o jeito é recorrer ao famoso método, com o perdão da palavra: Foda-se! (:
    Te adoro Tati.
    E não se abale por isso, continue fazendo seu trabalho que você é a melhor.

    ResponderExcluir
  16. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  17. Tati, esse povinho nem merece um post. Sou super seletiva e não sigo qq canal...o raça besta essa de pseudointelectuais. Vc é sucesso pq é boa no que faz e fala...minha inspiração de leitura...o resto é resto.

    ResponderExcluir
  18. Oi Tati ! Ótima postagem ! Olha isso vai acontecer sempre, não dá importância pra isso não, teu canal é maravilhoso, teu blog idem. Eu conheço teu canal faz pouco tempo, não lembro como descobri, mas amei e vejo sempre que dá. Teu jeito de apresentar os livros é muito bacana e vou te dizer que estou voltando a estudar inglês, você me motivou muito com seus vídeos. Continue com seu trabalho que só tem a acrescentar na vida de muitas pessoas e isso é que faz toda a diferença.
    Bjos, Lú.

    ResponderExcluir
  19. Bom né, estou por fora porque metade das coisas q vc disse no post eu nao entendi huahuahuahauhau Mas acho que peguei a essência da coisa, entao vou dizer o que todo mundo já disse: deixa pra lá, deixa falarem, deixa criticarem sem embasamento a não ser mimimi, só não pare com os vídeos porque nós adoramos =) E quem critica tb adora.

    ResponderExcluir
  20. Sucesso incomoda. Não entendo o por que desta competição, deste jogo de egos de certos vlogs. Pra que tudo isso? Liberdade de expressão, gente!!! Isso significa que tem lugar pra todo mundo. Se fizer sua parte com competência e prazer (acima de tudo) terá o retorno merecido.
    É Tati.... A internet está cada vez mais chata mesmo.
    Bjo grande!!

    ResponderExcluir
  21. "[...] tia tati é macaca velha" kkkkkkkk Só tem uma coisa pra falar Tati. Você é incrível, eu morro de admirações por você, meus amigos sabem que 1 a cada 5 assuntos é sobre seus posts, e eu sei que isso não é só comigo. Você me inspira. O problema é que essas pessoas não tem isso, e invejam, e com isso começam a apontar defeitos onde não tem '--' no mais, vc é muito Sugoi U_U

    ResponderExcluir
  22. Tati.. conheci seu canal semana passada, já vi vários vídeos.. minha filha e eu estamos apaixonadas por vc.
    Fale mesmooo, quando as pessoas começam a criticar e querer denegrir algo, é porque está em destaque.
    Estamos te seguindo em todas as redes sociais :)
    Adoramos a maneira como você faz seus vídeos. bjOos Druscila e Ana

    ResponderExcluir
  23. Oi Tati, conheci seu canal semana passada.. e desde então tenho assistido vários dos seus vídeos. Minha filha e eu estamos apaixonadas por você e pela maneira como você faz seus vídeos.
    Já ouviu falar de inveja né ? Ninguém inveja o sem graça... e você é demais ! Não dê importância para essas pessoas.. em meio à meia dúzias de chatos, vc tem milhares de pessoas que te curtem de verdade.
    Estou te seguindo em todas as redes sociais. Muitos bjOos.. Druscila e Ana

    ResponderExcluir
  24. Ihhh, entendi quase nada. Não entendi o que aconteceu, mas entendi o recado. Faço aqui o mesmo comentário que fiz no vídeo que falava sobre quem tem cacife para falar de livros: ignore, apenas ignore! Eu e várias outras pessoas gostam dos seus vídeos e pronto, ignore os recalcados. Abraços!

    ResponderExcluir
  25. Muito triste ver que existem pessoas assim, dispostas a atrapalhar o trabalho tão bonito de vocês. Tais pessoas agem movidas unicamente uma vaidade cega que cedo ou tarde as levará pra um único caminho, o fracasso. Tati, continue com os vídeos e posts e saiba que o que vc faz aqui é muito maior que qualquer coisa que um desses desocupados venha a dizer. Tenha a certeza que você faz desse mundo e desse que voz escreve alguém melhor.

    ResponderExcluir
  26. O pior de tudo isso é perder pessoas interessantes e inteligentes que simplesmente se cansam da internet e somem. Espero que não seja esse o seu caso e também do HP Charles. Vocês fazem mais em prol do conhecimento e da instrução do que muito pseudo educador e isso trás retornos não apenas materiais. Possivelmente seja essa a causa da efervescência dos recalcados. Eles têm as mesma ferramentas que vocês dois para fazerem um ótimo trabalho, no entanto aparentemente falta inteligência e criatividade para tal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por que este povo não relaxa e volta a falar de livros?
      Imagino que você deve estar exausta disso. Mas não some não, hein. Creio que seja isso que "o povo do lado negro" quer.
      beijão

      Excluir
  27. Olá Tati. É uma pena que em uma era com tanta informaçã e conhecimento disponíveis a maioria das pessoas estejam em um estágio tão avançado de ignorância. Mas não desanime. Abraço. Cíntia.

    ResponderExcluir
  28. Tati, independente da crítica que você receba,seja ela qual for, não vai diminuir ou ofuscar o talento incrível que você tem! Você é ótima!!!!

    ResponderExcluir
  29. Tati,nunca comentei nenhum dos seus posts e nem videos,mas diante desse post fiquei mto tentada a falar com vc.Ver que pessoas que não gostam de alguém ou alguma coisa ficam perdendo tempo tentando atrapalhar(poxa se não gosta,não vão atrás,simplesmente deixem p lá)e fico mto triste que isso esteja acontecendo com vc.Segundo(e pior)é que o mundo foi sempre assim,basta alguém aparecer um pouquinho mais que o outro vai lá tentar puxar o tapete...Enfim estou aqui para te dizer que se tem gnt que não gosta de vc ou do que vc faz,têm tantas outras que gostam.Parabéns pelo seu sucesso,sou sua fã.bjo

    ResponderExcluir
  30. Posso estar facilmente enganado, mas acho que sei sobre qual grupo do facebook você se refere no nº 3. Por algum motivo que desconheço, fui adicionado em um desses, que aparentemente eram de "vlogueiros"... fiquei sem entender, porque nem blog tenho, quem dirá um vlog.

    ResponderExcluir
  31. É tudo recalque e por mais idiota que atualmente essa palavra possa parecer, é a realidade. Você é influente, inteligente, é maravilhosa e uma grande referencia de canal literário/blog literário, pra mim, a referencia principal. (Tenho um blog, e me questiono se alguma vez na vida algumas dessas garotas ja passaram nos seus videos ou aqui)... então acredito que a sua imagem e o que você representa é uma especie de ameça. É mais confortável atacar você para ibope próprio, tentar diminuir sua força pra ganharem destaque nos seus próprios trabalhos, inveja, do que por alguma coisa que você fez. Um grande beijo!

    ResponderExcluir
  32. Acho que essas pessoas que ficam comentando esse tipo de coisa só podem ser infelizes e recalcadas. Sério. Really, quem tem tempo de ficar seguindo coisas que não gosta? Ou pessoas que não simpatiza? Tem que ser muito ocioso MESMO.
    Eu li o seu post, e o da Ju e da Pati também. Sigo o canal de vocês faz tempo e adoro seus vídeos.... Tanto que quando vejo os seus e logo após vejo um desses vlogueiros que ficam enchendo o saco, nem termino de assistir o vídeo. A diferença é muito grande!
    Mas aí só fica o clichê: gente desocupada não merece a atenção de vocês. ;)

    ResponderExcluir
  33. A Tati sempre polemizando nas tretas.

    Eu lembro da polêmica do "livro considerado difícil e quem recebeu de parceria não tem cacife pra falar dele", e também vi a desculpinha esfarrapada. Acabei parando de acompanhar o tal canal, não exatamente por causa da treta, mas acabei enjoando da cara das pessoas. Às vezes acabo enjoando da cara das pessoas mesmo no mundo dos vlogs.

    Não sabia da segunda treta, ou se esta segunda treta é continuação da primeira. Mas Tati, releva, você é mais que isto.

    ResponderExcluir
  34. A Tati sempre polemizando nas tretas.

    Eu lembro da polêmica do "livro considerado difícil e quem recebeu de parceria não tem cacife pra falar dele", e também vi a desculpinha esfarrapada. Acabei parando de acompanhar o tal canal, não exatamente por causa da treta, mas acabei enjoando da cara das pessoas. Às vezes acabo enjoando da cara das pessoas mesmo no mundo dos vlogs.

    Não sabia da segunda treta, ou se esta segunda treta é continuação da primeira. Mas Tati, releva, você é mais que isto.

    ResponderExcluir
  35. Tati, nem liga pra pessoas que não merecem a sua atenção. É muito fácil falar mal dos outros escondido atrás de uma tela de computador, duvido que essas pessoas fariam isso na vida real.

    Conheci os canais literários (e consequentemente o seu - ou seria ao contrário?) ano passado, e fiquei maravilhada com esse universo. Ler é meu passatempo favorito, inclusive cursei Letras por isso, e me animei tanto que resolvi criar um canal meu mês passado. Óbvio que nada dessas coisas ruins que você comentou não aconteceram comigo porque o meu canal é minúsculo, mas o que eu quero dizer aqui é: você influencia e inspira muitas pessoas de forma positiva. Faz com que elas tenham vontade de ler mais, de pensar mais sobre o que leem, e até mesmo de discutir sobre livros, algo que, na minha opinião, não acontecia muito fora da academia até um tempo atrás. Pensa nisso toda vez que você ficar revoltada ou indignada com o que os outros escrevem. Pensa nas coisas boas que o blog/vlog trouxe a você e aos outros, e ignora o resto! What goes around comes around e ponto final.

    Não deixa que isso te abale, continua fazendo o que você faz por prazer e por gosto. Te desejo muito sucesso, mais do que você já tem ;)

    Beijos!
    Maiara

    ResponderExcluir
  36. Poxa, e desculpe o palavrão, que merda! É por essas e outras que nem me atrevo a vlogar, não tenho estômago, por isso duplamente te admiro, primeiro pelo trabalho que me conquistou desde a primeira vez que vi e segundo pela persistência e coragem. Já tenho meu canal no youtube à bastante tempo, mas sou do tempo dos videozinhos bobos em que gravávamos qualquer coisa boa com a família ou amigos e jogávamos lá pra dar risadas, mas posteriormente quando a coisa foi mudando acabei virando uma observadora, pois sempre achei o youtube meio terra sem lei, se por um lado o facebook é a terra das indiretas no youtube as pessoas são mais do que diretas, são ridículas e agressivas como tu relatou. Então, depois de enrolar bastante kkkk.... Te desejo, sempre, boa sorte!

    ResponderExcluir
  37. Nossa Tati, vc é foda, sério, te admiro muito. O mundo está em falta de mais pessoas como você.

    ResponderExcluir

<< >>