Oscar Wilde - Histórias de Fadas

Segundo livro finalizado no mês de agosto:

Histórias de Fadas é a comprovação de como Oscar Wilde era uma pessoa doente.
Pessoa "gênia", porém doente.
E não, não são historinhas fofas para crianças - a pesar de já ter visto alguns destes contos naqueles Livros das Virtudes...
Ãnfãn, trata-se de uma coletânea de contos com cara de contos de fada do inferno - TODOSSSS têem finais horríveis.

Não há esperança para a humanidade.

Chorei litros com  "O amigo dedicado" e "O rouxinol e a rosa", e fiquei bem deprimida por pelo menos uma meia hora após o tpermino da leitura de canda um dos outros contos.
(menos com o do foguete notável, que é bem chato - mas ok.)

Recomendado para ler na praia em dias ensolarados.

3 comentários:

  1. Já li praticamente tudo do Wulde,inclusive os contos infantis. Tb tenho a mesma impressao que vc! Todos mto tristes. O Príncipe Feliz quase me mata de tristeza. Tem um conto dele que nao é exatamente infantil, é mais uma comédia no melhor estilo britanico: o fantasma de canterville. Já leu?

    ResponderExcluir
  2. Oscar Wilde para mim se resume em O Retrato de Dorian Gray e o Pricípe Feliz. Recomendo os dois. Só que eu os li na sétima série, e naquela época estava começando a virar rato de biblioteca. Mas....

    ResponderExcluir
  3. Eu gosto de dar para crianças lerem justamente pra mostrar que nem sempre as coisas vão bem na vida. Melhor que fazer os pequenos verem DVD da Xuxa com certeza é.

    ResponderExcluir

<< >>