"All the flame trees will blind the weary driver...

...and there's nothing left could set fire to this town.

There's no change, there's no pace,everything within this place
just makes it harder to believe...
she won't be around..."



Little Fish chegou aqui como "Sob o efeito da água".
Tem a Cate Blanchet, o Sam Neil, o Hugo Weaving (que é a cara do Sam Neil, sempre confundo - mas o Hugo é bem mais novo, então tendo os dois juntos, não confundo tanto...), e o Dustin Nguyen, que é aquele coreano do Anjos da Lei (very creepy como Johnny Depp e esse cara parecem que não envelhecem nunca...)
É um dos filmes mais bonitos e tristes da vida.
Conta a história de um grupo de ex-amigos que quando adolescentes, eram viciados em drogas, e foram separados com o tempo.
E eles se reeoncotram aos trinta e poucos, cada um com rumo de vida diferente - uns melhores, outros piores, alguns ainda na mesma, porém todos carregando as feridas daquela época.

Sempre que passa na tv a cabo eu vejo, mesmo que já esteja pela metade.
e fico dias cantarolando o refrãozinho do coro das crianças (*clique e veja, que eu tô mandando!)
(acho uma graça essas crianças cantando essa música de pós-pé-na-bunda ;)

essa "Flame Trees" é tipo uma "pais e filhos" da Austrália - um crássico dos anos 80.
mas a original do Cold Chiesel é bem breguitcha - acho mais bonita a versão da Sarah Blasko.


"all the flame trees will blind the weary driver..."

Um comentário:

  1. Adorei ler o que vc escreveu! Tambem adoro cinema (bem produzido; e nada melhor que filmes independentes, né!?rs) Vou ler mais! Abraço!

    ResponderExcluir

<< >>